terça-feira, 9 de agosto de 2016

Incra renova acordos para manter unidades de cadastramento no Médio São Francisco


A Superintendência Regional do Incra no Médio São Francisco garante manutenção das Unidades Municipais de Cadastramento (UMCs) com a renovação de acordo de Cooperação Técnica com municípios de sua área de abrangência. Neste ano já foram renovados 12 Acordos de Cooperação Técnicas com municípios, sendo 11 pernambucanos e um baiano. Foram renovados acordos com os munícipios de Afrânio, Belém do São Francisco, Dormentes, Granito, Ipubi, Orocó, Ouricuri, Parnamirim, Santa Cruz, Serrita e Terra Nova, e e Abaré do Estado da Bahia.

As Unidades Municipais realizam atendimento referente à inclusão e atualização de dados das áreas rurais constantes no Sistema Nacional de Cadastro de Imóveis Rurais (SNCR), emissão de Certificados de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR).

A cooperação entre as prefeituras e a autarquia prevê que as primeiras possibilitem, além do espaço físico, materiais de escritório, equipamentos e servidores para atuar na unidade. O Incra oferece a capacitação necessária para acesso ao sistema e apoio técnico durante a vigência do Acordo.

Segundo o chefe de serviço de Cadastro do Incra/MSF, César Bezerra, as UMCs funcionam como uma extensão do Incra nos municípios. “Esta parceria entre o Incra e as prefeituras facilita o dia a dia dos usuários em geral, através do acesso a serviços em suas localidades que só poderiam ser realizados na sede regional da autarquia”, disse Bezerra e acrescentou que as Unidades Municipais de Cadastro podem recepcionar e analisar documentos referentes a imóveis que tenham até quatro módulos fiscais, acima disso a documentação é encaminhada ao Incra regional.

A Superintendência Regional no Médio São Francisco abrange 36 municípios Pernambucanos e seis municípios no Estado da Bahia. Possui Cooperação Técnica com todos os 42 municípios de sua jurisdição e realizou a capacitação do novo SNCR dos representantes das UMCs em 2015, promovendo a continuidade no cadastramento dos imóveis rurais no SNCR.

Assessoria de Comunicação Social do Incra/Médio São Francisco


0 comentários:

Postar um comentário